24 de junio de 2017

IPLA: O Mundo - Visto pela Psicanálise. Nº 177

 



Pontos que contam
“A vergonha psicanalítica é mais íntima que a culpa, justamente porque a culpa é movida por fatores sociais e morais. É essa vergonha psicanalítica, para além do julgamento, do delito e da moral, a única resposta possível ao desvario da globalização”, disse Jorge Forbes, no Seminário Vergonha, Honra, Luxo, em 2003. A psicanálise convida a sair de uma moral de costumes para se instalar na ética do desejo: manter viva a responsabilidade por sua singularidade e por soluções que possam ser sustentadas no mundo.
 


Nesta edição:

Ponto de Vergonha
Uma pessoa se vale de uma análise quando ela se implica. Isso acontece quando o analista toca em seu modo singular de obter satisfação, escreve Helainy Andrade, a partir de um comentário de Jorge Forbes na Clínica de Psicanálise do Centro de Pesquisa sobre o Genoma Humano e Células Tronco – USP. LEIA MAIS
Nesta edição:
5 min

Estamos todos estressados?
Sofrer de estresse é uma queixa comum nos dias atuais. Muito trabalho, cobrança, falta de tempo, são exemplos de situações estressantes. E então, estamos todos estressados? A pessoa pode se servir da psicanálise para lidar com isso. São pontos que Elisa Padovan comenta nesse texto. LEIA MAIS
Nesta edição:
5 min

Jorge Forbes em TerraDois - TV Cultura
© 2012-2017 IPLA. CC alguns direitos reservados.


No hay comentarios: