19 de octubre de 2012

@DDito 18 - Sobre Programa, Intervalos e Finalmentes da XVII Jornada da EBPMG


pasted-image@DDito 18
Boletim da XVII Jornada da EBP-MG


SOBRE O PROGRAMA, INTERVALOS  e  FINALMENTES

Estamos nos aproximando da XVII Jornada da nossa Seção Minas que acontecerá, este ano, nos dias 26 e 27 de outubro. Com o compromisso de bem acolher nossa jornada, cujo tema é "A política da Psicanálise na era do direito ao gozo", pareceu-nos oportuno ocupar o centro da cidade, transferindo, para lá, durante esses dois dias, a sede da transmissão da psicanálise de orientação lacaniana. Nossa Jornada vai acontecer, no CentoeQuatro, pertinho da praça da Estação.
A princípio, tínhamos previsto acomodar a nossa Jornada numa única sala, como acontece sempre. Contudo, acordamos essa semana com a informação, de Mariana, de que havíamos ultrapassado o número de 475 inscrições. A procura está intensa, com muitos telefonemas, solicitando ampliação das vagas. Em conversa com a Diretoria da Seção Minas, visando acolher o maior número daqueles que se interessam em participar da nossa Jornada, resolvemos usar pela primeira vez, numa Jornada da EBPMG, a tecnologia da transmissão simultânea e conseguimos ampliar nossa capacidade para mais 125 lugares.
Sejam bem-vindos!

Como de costume, durante dois dias, conforme acontece todos os anos, a comunidade analítica da EBP-MG e muitos outros que dela se aproximam, estarão reunidos para conversar sobre a experiência clínica e a responsabilidade política da psicanálise, seja através do testemunho do passe dos AEs, ou através dos 42 trabalhos em conversação, que foram selecionados e distribuídos nas plenárias e mesas simultâneas.
Mas há também algo de novo na XVII Jornada...

Na PROGRAMAÇÃO  (Leia o programa, na íntegra, no próximo Boletim)

- Colegas analistas, membros da EBP-MG, na função de entrevistadores, conduzirão uma entrevista aberta com Agnès Aflalo, nossa convidada internacional, lançando nesse espaço de conversação as questões de sociedade, recolhidas da atualidade da experiência analítica.
- Realizaremos o 1º Fórum de Orientação Lacaniana "Drogas: para além da segregação", uma grande conversação entre psicanalistas e diversos atores de outros campos epistêmicos e políticos, sobre essa questão que tem atravessado toda cidade.
- E, com o carinho de sempre, convidamos o nosso colega Célio Garcia para estar entre nós, momento onde renderemos a ele a nossa  homenagem.

Nos INTERVALOS

A política da psicanálise também está nos intervalos.
Na XVII Jornada, a ação lacaniana aproxima-se dos projetos e objetos que na cidade testemunham a resposta singular de cada um.  As invenções e respostas dos usuários dos serviços de saúde mental, do município de Belo Horizonte, transmitem que a articulação possível entre o singular e o coletivo só tem cabimento na diversidade.
Por essas veredas, a política da psicanálise na era do direito ao gozo também acontecerá no corredor do eixo central do CentroeQuatro, onde estarão instaladas:
-  A  exposiçã"Empresta-me teus olhos?", um recorte da Mostra de Arte Insensata - Tato, Trato e Retrato -2012,produzida pelo Projeto de Saúde Mental da Prefeitura de Belo Horizonte, ao lado  da arte de psicanalistas mineiros.
- As obras interativas realizadas pelos usuários do Freud Cidadão terão lugar, nas imagens em "Suspensão (Aufhebung)" ou no "Essaim (dicionário gozozo)".
A livraria da EBP-MG estará lançando a Curinga n.34 e, como das outras vezes, também teremos o lançamento de obras dos autores da EBP-MG e de convidados do Fórum. Sua banca estará montada no espaço de convivência, junto a Livraria Scriptum e a Papelaria Patrícia de Deus.
- Para além dos livros e cadernos, objetos de consumo indiscutíveis da comunidade analítica, também estarão expostos, na sala aberta do Mercado do Suricato, objetos variados para o consumo doméstico.
O Café do CentoeQuatro em parceria com o Suricato funcionará, durante toda a jornada, servindo o tradicional café com pão de queijo, com um cardápio delicioso para o almoço e, quiçá, jantar. À noite estarão de portas abertas para acompanhar os finalmentes, com deliciosos drinks e petiscos, ao gosto do freguês.

Nos FINALMENTES, para quem quiser ficar por ali... mais, um pouquinho...

- No primeiro dia, após as atividades do Fórum, o músico Helvécio Viana abre alas, no  CentoeQuatro, ao "Sarau dos Analistas, com Licença Poética"
- E após o encerramento da Jornada, no último dia, a Diretoria da EBP-MG oferecerá a todos um momento festivo: levantaremos um brinde, no eixo central do CentoeQuatro, quando teremos a satisfação de ouvir o enlace da voz de Irene Atienza, cantora espanhola, com o violão de sete cordas do violonista Douglas Lora.

Aguardamos você!

Fernanda Otoni - Coordenadora da XVII Jornada da EBPMG

InsertedImageIRENE ATIENZA & DOUGLAS LORA
Irene Atienza, cantora espanhola, é uma da mais bela vozes de sua geração. Acabou de gravar em Los Angeles oálbum « Gracias a la Vida » de grandes canções latinas com o violonista Douglas Lora que pertence a banda Caraivana e ao duo clássico Brasil Duo Guitar, conhecido internacionalmente.